,

La Candelaria : Um Passeio Pelo Coração Histórico de Bogotá

Bogotá, a vibrante capital da Colômbia, é uma cidade repleta de história, cultura e beleza arquitetônica. No coração desta metrópole está o bairro de La Candelaria, um local que encapsula a essência da fundação da cidade em 1538. Este passeio é uma viagem no tempo, onde ruas de paralelepípedos, casas coloniais e monumentos históricos se entrelaçam para contar a rica história da Colômbia. Neste artigo, vamos explorar essa capital incrível, destacando os pontos turísticos e culturais imperdíveis durante um passeio guiado com a Civitatis.

  • Duração do Tour: 3 horas e 30 minutos
  • Idiomas Disponíveis: Espanhol e Inglês
  • Incluso: Guia bilíngue e degustação de pamonha
  • Não Incluso: Gorjetas
  • Ponto de Encontro: Carrera 7 com Calle 11
  • Acessibilidade: Não é acessível para cadeiras de rodas
  • Sustentabilidade: Todos os serviços cumprem o Código de Sustentabilidade da Civitatis

Nos encontramos na emblemática Carrera 7 com Calle 11, o ponto de partida perfeito para começar nossa jornada por La Candelaria. Este local é o epicentro histórico de Bogotá, onde a cidade foi fundada. A partir daqui, mergulhamos nas ruas íngremes e charmosas do bairro, cada uma repleta de histórias e segredos. À medida que caminhamos pelas ruas de paralelepípedos, somos imediatamente transportados para o passado, com a arquitetura colonial nos cercando e nos contando sobre a rica herança cultural da área.

Logo de início, somos recebidos pela vista deslumbrante do Museu da Independência – Casa del Florero. Este museu é um verdadeiro tesouro histórico, narrando os eventos cruciais que levaram à independência da Colômbia. As exposições são fascinantes e detalhadas, proporcionando uma visão aprofundada dos heróis da independência e das lutas que moldaram a nação. A atmosfera do museu, combinada com a arquitetura colonial bem preservada, nos faz sentir como se estivéssemos revivendo os momentos decisivos da história colombiana.

Continuando nossa caminhada, encontramos a Casa Manuelita Sáenz, um local igualmente importante e cheio de significado. Esta casa-museu homenageia Manuelita Sáenz, uma figura chave na luta pela independência e companheira de Simón Bolívar. As histórias de sua coragem e dedicação são inspiradoras, e os artefatos expostos no museu oferecem uma visão íntima de sua vida e contribuições. A Casa Manuelita Sáenz é um lembrete poderoso da importância das mulheres na história da América Latina e da sua luta por liberdade e justiça.

Uma das primeiras paradas do tour é o Museu da Independência – Casa del Florero. Este museu é um tributo ao movimento de independência da Colômbia, exibindo artefatos e exposições que narram a luta pela liberdade. Ao entrar no museu, somos imediatamente envolvidos pela atmosfera histórica que permeia cada sala. As exposições detalham os eventos cruciais que levaram à independência, destacando figuras heroicas e momentos decisivos. Os artefatos em exibição, como documentos históricos, armas e bandeiras, oferecem uma conexão tangível com o passado, permitindo que os visitantes compreendam a profundidade e a complexidade da luta pela liberdade.

Próximo dali, encontramos a Casa Manuelita Sáenz, dedicada à memória da companheira e colaboradora de Simón Bolívar. Manuelita Sáenz foi uma figura crucial na história da independência latino-americana, e sua casa-museu é um tributo a sua coragem e dedicação. As salas da casa estão repletas de objetos pessoais, cartas e retratos que narram sua vida e suas contribuições para a causa da independência. A visita à Casa Manuelita Sáenz não apenas ilumina a importância de sua figura histórica, mas também destaca o papel vital das mulheres na formação do destino da América Latina.

Continuando nosso passeio, adentramos as ruas íngremes e charmosas de La Candelaria, cada uma repleta de histórias e segredos. A arquitetura colonial das casas e edifícios nos transporta para uma época passada, onde cada esquina guarda memórias do desenvolvimento de Bogotá. A combinação de fachadas coloridas e varandas ornamentadas cria uma atmosfera pitoresca e vibrante, que é complementada pela presença de artistas de rua e músicos que adicionam uma camada de energia e vida ao bairro.

La Candelaria é famosa por suas igrejas e capelas que datam do período colonial. Um dos destaques é a Catedral Primacial de Bogotá, uma majestosa construção que domina a Plaza de Bolívar. Esta catedral é um exemplo impressionante da arquitetura colonial e abriga obras de arte sacra, incluindo pinturas de Gregorio Vásquez de Arce y Ceballos, um dos artistas mais renomados da Colômbia colonial. A fachada imponente da catedral, com suas colunas e detalhes ornamentais, é apenas o começo da jornada através de sua rica história.

Ao adentrar a catedral, somos recebidos por um interior grandioso, com altos tetos abobadados e vitrais que filtram a luz do sol, criando uma atmosfera de reverência e tranquilidade. As paredes são adornadas com afrescos e pinturas que retratam cenas bíblicas e figuras religiosas, muitas das quais foram criadas por Vásquez de Arce y Ceballos. Suas obras, conhecidas pela atenção meticulosa aos detalhes e pela habilidade em capturar expressões humanas, contribuem significativamente para a importância cultural e histórica da catedral.

Além da Catedral Primacial, La Candelaria abriga outras igrejas e capelas notáveis que merecem ser exploradas. A Igreja de San Francisco, por exemplo, é a mais antiga da cidade e possui uma arquitetura que mistura estilos góticos e barrocos. Dentro, encontramos altares ricamente decorados e esculturas intrincadas que datam dos séculos XVI e XVII. Cada detalhe, desde os vitrais até os retábulos dourados, conta uma parte da história religiosa da região e do desenvolvimento da arte sacra ao longo dos anos.

Nenhuma visita a La Candelaria estaria completa sem uma parada na Quinta de Bolívar. Esta casa-museu foi a residência de Simón Bolívar, o Libertador da América Latina. A Quinta de Bolívar oferece uma visão íntima da vida deste grande líder, com móveis de época, objetos pessoais e jardins que convidam à reflexão sobre a independência e o legado de Bolívar. Ao adentrar a Quinta de Bolívar, somos imediatamente transportados para o século XIX. A arquitetura da casa é uma representação perfeita do estilo colonial, com suas paredes de adobe, telhados de barro e interiores decorados com mobília de época. Cada cômodo da casa possui itens que pertenceram a Bolívar, incluindo sua cama, escrivaninha e utensílios pessoais. Esses objetos proporcionam um vislumbre da vida cotidiana de um dos heróis mais reverenciados da América Latina.

Os jardins da Quinta de Bolívar são igualmente impressionantes. Com uma variedade de plantas nativas e exóticas, esses jardins foram um refúgio para Bolívar durante os momentos de descanso entre suas campanhas militares. Caminhar pelos mesmos caminhos que ele percorreu permite uma conexão profunda com a história. A tranquilidade dos jardins, combinada com a vista panorâmica de Bogotá, cria um ambiente ideal para refletir sobre as conquistas de Bolívar e o impacto duradouro de sua liderança.

A visita à Quinta de Bolívar não apenas enriquece nosso conhecimento sobre a vida pessoal de Bolívar, mas também oferece uma compreensão mais ampla de sua influência na história da América Latina. As exposições detalham suas campanhas militares, sua visão para uma América Latina unida e independente e os desafios que enfrentou ao longo do caminho. Fotografias, cartas e documentos históricos ajudam a contextualizar suas ações e motivações, proporcionando uma narrativa completa e envolvente de sua vida.

As ruas de La Candelaria são um verdadeiro museu a céu aberto. Cada esquina revela uma nova surpresa, desde as fachadas coloridas das casas coloniais até os murais de arte de rua que adornam as paredes. A combinação da arquitetura histórica com a vibrante cultura contemporânea faz de La Candelaria um lugar único e encantador. Ao caminhar por suas ruas, somos imediatamente cativados pelas cores vivas das construções que contrastam harmoniosamente com as pedras antigas do calçamento. As casas coloniais, com suas varandas ornamentadas e portas de madeira maciça, contam histórias de séculos passados e nos transportam para uma era onde a vida fluía em um ritmo diferente.

Os murais de arte de rua são outro destaque de La Candelaria. Artistas locais e internacionais utilizam as paredes como telas, criando obras que refletem a identidade cultural, as lutas sociais e a visão de futuro dos colombianos. Cada mural é uma expressão de criatividade e resistência, capturando a essência do espírito de Bogotá. Esses murais não só embelezam o bairro, mas também servem como uma forma de diálogo entre os artistas e a comunidade, abordando temas como a paz, a diversidade e a igualdade.

Outro ponto de interesse é o Congresso da República da Colômbia, um edifício imponente que desempenha um papel central na política do país. A arquitetura neoclássica do edifício contrasta com as construções coloniais ao redor, oferecendo uma perspectiva sobre a evolução arquitetônica e política de Bogotá. Este edifício histórico, localizado na Plaza de Bolívar, é onde o poder legislativo do país se reúne para deliberar sobre as leis que moldam a nação. Sua fachada majestosa, com colunas imponentes e detalhes ornamentados, é um testemunho da grandiosidade e da importância do edifício no contexto político e histórico da Colômbia.

O Congresso da República não é apenas um símbolo do governo, mas também um reflexo das mudanças e dos desafios enfrentados pela Colômbia ao longo dos séculos. Durante as visitas guiadas, os turistas têm a oportunidade de aprender sobre o funcionamento do sistema político colombiano, a história das deliberações legislativas e as figuras importantes que passaram por suas portas. Essa imersão no coração político do país proporciona uma compreensão mais profunda do papel da democracia na formação da sociedade colombiana.

Além disso, a proximidade do Congresso com outros marcos históricos em La Candelaria faz com que a visita ao bairro seja ainda mais rica e interconectada. A poucos passos dali, podemos encontrar outros edifícios governamentais, como o Palácio de Nariño, a residência oficial do Presidente da Colômbia. Esta proximidade geográfica entre os centros de poder e os locais históricos é um lembrete constante da interdependência entre o passado e o presente, e de como as decisões políticas influenciam a vida cotidiana dos colombianos.

Agradeço por ter acompanhado até aqui e explorado conosco a riqueza cultural de La Candelaria em Bogotá. Se você se encantou com o que viu e deseja vivenciar pessoalmente essa experiência única, não deixe de clicar no link de afiliados da Civitatis para saber mais e reservar seu tour. Descubra os encantos deste bairro histórico, mergulhe na história colombiana e deixe-se envolver pela beleza de suas ruas e monumentos. Esperamos que esta jornada por La Candelaria seja apenas o começo de muitas outras descobertas emocionantes. Clique aqui para mais informações e reserve seu lugar agora!

Não se esqueça de visitar o nosso site para explorar mais conteúdos com dicas de viagens e muito mais! Mochileiros pelo Mundo – Viaje mais gastando menos

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Prepare a sua viagem
Últimos Artigos
Afiliados & Parceiros
Booking.com
Artigos Relacionados
Gostou do nosso conteúdo? Leia mais artigos com dicas de viagens
ARTIGOS DIVERSOS DE VIAGENS PELO MUNDO​

Cuba: 8 Lojas para Comprar Charutos

Os charutos cubanos são reconhecidos mundialmente por sua qualidade e tradição. Para garantir que você esteja adquirindo produtos autênticos, é importante saber onde comprar. Aqui

No more posts to show