Direitos na hora de viajar – Confira os seus direitos, os direitos do consumidor!

Direitos na hora de viajar – Confira os seus direitos, os direitos do consumidor!

Saiba quais são as obrigações de agências de viagem, companhias aéreas, hotéispacotes de passeios, entre tantos serviços oferecidos para o turista, quando o serviço não é prestado da maneira que foi combinado.

Como tudo na vida, tudo tem um começo, um meio e um fim! E assim também é, a linha do tempo de uma viagem. Então, vamos falar em antes, durante e depois. O antes da viagem, se resume em todo o planejamento, o durante, é o ato propriamente dito da viagem, e o depois, é a consequência das escolhas feitas anteriormente, que pode ser, muito agradáveis ou infelizmente de muita dor de cabeça. É claro que, você não vai comprar uma viagem já pensando no que pode dar errado, mas não custa conhecer seus direitos no caso de alguma coisa que não estava nos seus planos acontecer. Isto por exemplo: uma mala que se perde no aeroporto, hotéis com qualidade inferior ao anunciado, esperas sem fim no saguão do aeroporto, falsos pacotes de viagem, casas que não existem, rua que não existe, e etc. É uma infinidade de coisas que podem acontecer, então é claro, vamos nos prevenir. O que muitos leitores viajantes & mochileiros não sabem é que, a Lei, esta do nosso lado! E. as companhias aéreas, agências de turismo e hotéis têm responsabilidade sim, dependendo do que acontecer de errado.

Essas dicas abaixo são do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec),para ajudar a garantir seus direitos, em todas as viagens daqui para frente:

Hospedagem

  • Se o quarto for diferente do contratado, deve exigir a mudança na hora ou então a diferença do valor cobrado pela categoria
  • Fique atento à venda casada, ela é proibida. Ou seja, um hotel pode até oferecer diárias com café da manhã, pensão completa ou ainda passeios pela cidade, mas o hóspede tem o direito de escolher pagar só pela hospedagem (um valor menor, é claro). Isso vale também para pacotes.
  • A hospedagem não pode cobrar por ligações telefônicas um valor maior do que o da concessionária de telefonia local.

Passagens Aéreas